menu
ALT + 1
conteúdo
ALT + 2
home
ALT + 3
pesquisar
ALT + 4

contraste

texto

Início do conteúdo

Agência de Notícias > notícia

Agência de Notícias

Chuva provoca alagamentos e prejuízos em diversos bairros
29/06/2013 13:52 atualizada em 01/07/2013 15:37

A forte chuva acompanhada de vendaval que caiu por aproximadamente duas horas na madrugada desta sexta-feira (29), em Bento Gonçalves, causou prejuízos para alguns moradores dos bairros Progresso, Cembranel , Vila Nova, Universitário, Zatt, Ouro Verde e no interior.

 

Equipes da defesa civil e da secretaria de obras trabalham desde as primeiras horas deste sábado para auxiliar os moradores que tiveram casas invadidas pela enxurrada e que foram prejudicadas por desmoronamentos de áreas de terra.

No bairro Universitário, no Loteamento Ida, cerca de 30 residências foram invadidas pela água e pelo barro, pois os bueiros não deram vazão ao grande volume de água da chuva. O mesmo problema foi registrado no bairro Zatt. A quadra de esportes foi comprometida, e duas casas tiveram suas estruturas danificadas sendo necessário a retirada dos moradores. No bairro Progresso, os Bombeiros tiveram que interditar duas casas, sendo que uma terceira foi isolada porque um muro desabou e atingiu um carro, a garagem caiu, e as famílias foram obrigadas a deixar as moradias. Em outro ponto do mesmo bairro, os cômodos de uma casa foram invadidos pela lama, e os móveis foram removidos. No local, além do casal, estavam quatro crianças. Na Rua Ângelo Marcon, no bairro Ouro Verde, também há registros de alagamentos. No bairro Cembranel, o muro próximo a uma residência não suportou a forte enxurrada e estourou. O deslizamento de terra, acompanhado do lixo e do lodo invadiu as ruas e casas.

 
O Corpo de Bombeiros recebeu vários chamados de alagamentos e de galhos de árvores quebrados pela ação do vento. Alguns bairros do município ficaram sem energia. No interior, nos Caminhos da Eulália, pedras foram parar em cima do asfalto na parte baixa, devido à falta de calçamento em uma das ruas do local.

 
O prefeito Guilherme Pasin, visitou na madrugada algumas famílias para prestar auxilio e solidariedade. Segundo o secretário de governo, César Gabardo, equipes da prefeitura estão trabalhando em várias frentes, prestando atendimentos e auxiliando na remoção dos móveis e utensílios Equipes da secretaria de obras também trabalham para a limpeza do lodo e no desentupimento dos bueiros. A secretária de Habitação e Assistência Social, Rosali Fornazier informou que colocou a disposição das famílias que precisam ser removidas o albergue municipal.

 
Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a chuva foi provocada pelo choque da umidade com a frente fria vinda do sul. O volume de água acumulado em 10 horas, das 19h de sexta (28) às 05h de sábado, ficou entre 40 e 60 mm na cidade.

 

 

Assessoria de Comunicação Social Prefeitura

Fotos: Alcides Ferrer-Defesa Civil

ÁUDIOS

BANCO DE IMAGENS