menu
ALT + 1
conteúdo
ALT + 2
home
ALT + 3
pesquisar
ALT + 4

contraste

texto

Início do conteúdo

Agência de Notícias > notícia

Agência de Notícias

Em audiência pública, comunidade aprova plano para ampliação da fábrica da Todeschini em Bento
10/04/2015 14:14 atualizada em 11/04/2015 07:47

O município de Bento Gonçalves deverá receber, em breve, uma nova fábrica do Grupo Todeschini, um investimento de 165 milhões de reais que irá triplicar a atual área construída da empresa de 56 mil mts² para 180mil mts². A previsão é operar totalmente em três anos e meio empregando mais de 1,5 mil funcionários. O Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e também o Relatório de Impacto ao Meio Ambiente (RIMA) foram apresentados para a comunidade nesta quinta-feira, 9, durante uma audiência pública promovida pela Fundação Estadual de Proteção ao Meio Ambiente (Fepam), que analisa o processo administrativo para a liberação do licenciamento ambiental necessário para o inicio das obras. A audiência ocorreu no auditório do Centro da Indústria e Comércio (CIC/BG) e contou com a presença de aproximadamente 120 pessoas entre políticos, autoridades, ambientalistas, direção e funcionários da empresa.


A decisão administrativa de alocar o importante investimento no município é também fruto de uma engenharia institucional que envolveu o governo municipal. Dentro das ações do programa estruturante "Desenvolve Bento", a prefeitura forneceu todas as licenças necessárias para ampliação da fábrica, desburocratizando o processo que foi protocolado em 2013 conferindo agilidade na elaboração do projeto. Todas as manifestações do público proferidas durante a audiência foram favoráveis ao empreendimento e ao EIA-RIMA, que foi detalhado pelo diretor técnico da Garden Consultoria, Elton Leonardo Boldo. "Mais uma vez, fica provado que é possível promover o desenvolvimento industrial dentro de um conceito de desenvolvimento sustentável sem prejuízos ao meio ambiente", resumiu o presidente do Conselho Municipal do Meio Ambiente Luis Espeiorin.

Além da geração de mais emprego e renda, com um importante incremento na arrecadação de impostos municipais, a nova fábrica quando pronta deverá também provocar importantes alterações no trânsito de caminhões na área urbana do município, uma vez que o acesso principal da fábrica se dará pela RSC 470, eliminado o trânsito em 17 km na região sul.


"Estamos vivendo um momento positivo que contrasta com a evasão industrial de anos passados. Bento vive um novo momento. Assim como fizemos no processo da M. Dias Branco que confirmou no ano passado um investimento de R$ 180 milhões em Bento, trabalhamos para que a Todeschini ficasse no município, realizando mais investimentos e garantido mais empregos para nossa população", destaca o prefeito Guilherme Pasin. A realização de uma audiência pública para mostrar quais as providências que a empresa irá adotar como medidas compensatórias ao meio ambiente e para dirimir dúvidas é a última etapa do processo de liberação das licenças de construção pela Ficam.

 

Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura
Fotos: Carlos Quadros

BANCO DE IMAGENS