menu
ALT + 1
conteúdo
ALT + 2
home
ALT + 3
pesquisar
ALT + 4

contraste

texto

Início do conteúdo

Agência de Notícias > notícia

Agência de Notícias

Gabinete de Crise apresenta ações durante a redução do abastecimento
28/05/2018 17:40 atualizada em 29/05/2018 13:59

Em reunião do Gabinete de Crise de Bento Gonçalves, na tarde desta segunda-feira, 28, no Salão Nobre da Prefeitura, foram divulgadas as ações que vêm sendo adotadas para que todos os serviços públicos essenciais sigam sendo garantidos à população durante a paralisação dos caminhoneiros. Na oportunidade também foi anunciada a suspensão de processos licitatórios, das aulas da rede municipal e a vinda de combustível. Desde este domingo, 27, foi decretada Situação de Emergência preventiva no Município.

 

A Secretaria Municipal de Segurança articulou a vinda de caminhões-tanque de combustível, num total de 60 mil litros, sendo 15 mil de gasolina, cinco mil de etanol e 10 mil de diesel para abastecimento dos veículos que prestam serviços essenciais de saúde e segurança e mais 30 mil de diesel para ser dividido entre as empresas de transporte coletivo urbano.

 

Desde o início da paralisação, a Prefeitura adotou medidas de racionalização do uso de combustível e insumos, a fim de não interromper o atendimento dos serviços essenciais para população, bem como dos serviços públicos concedidos, como junto ao Hospital Tacchini e às empresas de transporte.

 

"Seguiremos reunindo o Gabinete de Crise para que ações sejam tomadas e os serviços essenciais continuem sendo oferecidos normalmente para população. É um trabalho conjunto e de extrema importância para todos", enfatiza o prefeito Guilherme Pasin.

 

Mais informações sobre os serviços, as paralisações e o fornecimento de combustível podem ser obtidas pelo fone (54) 99129.0602

 

Serviços:

Combustível: 15 mil litros de gasolina, 5 mil litros de etanol e 10 mil litros de diesel para viaturas prestadoras de serviços essenciais, como saúde e segurança, além de 30 mil litros de diesel para o transporte coletivo urbano.

Saúde: Atendimento mantido em todas as Unidades de Saúde, com contingenciamento nas vigilâncias (sanitária, epidemiológica, saúde do trabalhador, ambiental).

Hospital Tacchini: Suspendeu a realização de coletas de materiais e exames laboratoriais desde sábado, 26, em consequência ao movimento de paralisação dos caminhoneiros. O Hospital também solicita que a população só procure atendimento em caso de extrema urgência até a normalização das atividades.

Educação: Aulas da Rede Municipal estão suspensas nesta terça, 29, e quarta, 30. Devido ao feriado (31 de maio) e ao Ponto Facultativo (1º de junho), a expectativa é da retomada na segunda-feira, 4, caso a situação se normalize.

Meio Ambiente: Coleta de lixo não sofreu alterações, no entanto, recomenda-se que a população colabore com a redução do resíduo.

Trânsito: Agentes do Departamento Municipal de Trânsito têm circulação restrita a ocorrências emergenciais.

Transporte Coletivo: Os horários de ônibus serão reduzidos nos próximos dias, sendo que tanto a Empresa Bento quanto a Santo Antônio operam das 5h30 às 8h30; das 11h às 13h30 e das 16h30 às 19h30. Após às 20h não haverá circulação de ônibus.

 

Foto: Marina Teles

 

Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura