menu
ALT + 1
conteúdo
ALT + 2
home
ALT + 3
pesquisar
ALT + 4

contraste

texto

Início do conteúdo

Agência de Notícias > notícia

Agência de Notícias

Novos projetos de contraturno escolar irão beneficiar 2.400 crianças e adolescentes
13/04/2016 12:25 atualizada em 13/04/2016 12:36

A Secretaria Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social (Snelis) do Ministério do Esporte divulgou nesta segunda-feira, 11, o resultado da chamada pública para os Programas de contraturno. Bento Gonçalves teve aprovados dois projetos: o Programa Luta pela Cidadania e a prorrogação do Programa Segundo Tempo Padrão. Cerca de 2.400 crianças e adolescentes serão beneficiados


Para o Prefeito Guilherme Pasin, os projetos vem a somar ao trabalho já realizado no Município. "Estamos trabalhando num universo de quase 15 mil jovens distribuídos em ações e projetos que são referência e que já receberam inúmeras distinções, esses dois programas vão agregar ainda mais crianças nessas ações", ressalta. O início das atividades depende da liberação da verba pelo Ministério dos Esportes.


Conheça os programas aprovados:

Programa Luta pela Cidadania

O Programa Luta pela Cidadania engloba crianças, jovens e adultos e tem o objetivo, democratizar o acesso às práticas corporais de luta e artes marciais em uma perspectiva educacional, desenvolvida com qualidade, como forma de inclusão social para toda a população.

Em Bento Gonçalves, o programa contará com 10 núcleos espalhados em diversos bairros da cidade, sendo que em cada um deles haverá um professor de educação física e um monitor para o acompanhamento das atividades. Cerca de 2.100 pessoas serão beneficiadas pelo Programa. O valor destinado para o Projeto é de R$ 721.515,00. O projeto tem vigência até 2018. 


Programa Segundo Tempo

O Programa Segundo Tempo já existe no município, contando com atividades espalhadas em sete núcleos, abrangendo diversos bairros do Município. Nesta nova fase, outros professores e monitores serão contratados para atuarem em mais três núcleos totalizando mil crianças e adolescentes atendidos nos 10 núcleos. Além disso, o projeto foi prorrogado até 2018.  O valor destinado para o Segundo Tempo é de R$ 671.515,00.

 

 

Assessoria de Comunicação Social Prefeitura

Foto: Emanuele Nicola