menu
ALT + 1
conteúdo
ALT + 2
home
ALT + 3
pesquisar
ALT + 4

contraste

texto

Início do conteúdo

Agência de Notícias > notícia

Agência de Notícias

Rodas de Conversa traz live sobre as Culturas Wé, Mandé e Akan
02/07/2020 08:24 atualizada em 02/07/2020 08:45

Neste sábado, 4, às 15h, o projeto Ciclos de Percussão e Culturas Populares dá prosseguimento às Rodas de Conversa. A segunda atividade será a live “Culturas Wé, Mandé e Akan”, com Loua Pacom Oulai e será transmitida pela página da Akara no Instagram (akara_no_insta).

 

Oralidade, ancestralidade e linguagem são marcas carregadas na essência do fazer percussivo-musical de inúmeras culturas e tradições africanas. Na conversa, a idéia é poder ouvir e pensar as expressões como cultura popular, cultura tradicional, mestre/mestra e outras são interpretadas por Oulai. Dessa forma, serão abordados sua concepções e perspectivas de transmissões de saberes culturais e musicais e a presença de instrumentos tradicionais em espaços eurocêntricos e exógenos a sua origem.

 

Oulai é natural da Costa do Marfim e reside em Porto Alegre desde 2016. Em 2010 iniciou suas atividades como instrutor de percussão em oficinas e centro culturais em diversos países do Centro Africano. É graduado em Licenciatura em Teatro, Dança e Comunicação Oralno no Instituto Nacional Superior de Artes e de Ações Culturais, em Abidjan, em 2014. Em Porto Alegre, é colaborador no Centro Afrosul Odomobé e participa de diferentes grupos musicais e projetos da região, como o Sankofa Drums.

 

Ciclos de Percussão e Cultura Popular tem o objetivo de promover o intercâmbio com artistas, músicos, professores, pesquisadores, estudantes e comunidade por meio da difusão de saberes e acesso a bens culturais sobre a percussão e suas relações e práticas com as expressões artísticas das manifestações populares.

 

O projeto tem financiamento do Pró-Cultura RS e Secretaria de Cultura e conta com o apoio do Artistas no Palco Escola de Teatro e Áfricanamente – BG Escola de Capoeira. A realização Akara e Ciclos de Percussão.

 

Confira a programação:

11 de julho (sábado), às 15h

Metodologias alternativas de regência musical, com FEDERICO TRINDADE (Uruguay/Porto Alegre)

 

18 de julho (sábado), às 15h

Couro Encantado: a linguagem da percussão na formação e difusão da cultura popular, com ALCIONE ALVES DE OLIVEIRA (Belo Horizonte, MG)

 

25 de julho (sábado), às 15h

Atuação cultural e artística nas comunidades, com TINA (JOCILENE CUNHA) (João Pessoa/PB)

 

Assessoria de Comunicação Social

Fotos/Arte: Divulgação/Ciclos de Percussão e Cultura Popular