menu
ALT + 1
conteúdo
ALT + 2
home
ALT + 3
pesquisar
ALT + 4

contraste

texto

Início do conteúdo

Agência de Notícias > notícia

Agência de Notícias

Segunda agroindústria de vinho colonial do município é inaugurada
08/11/2019 10:26 atualizada em 08/11/2019 11:35

A agroindústria familiar Porão do Vale, propriedade de Vitório e Ivone Somensi, inaugurou seu espaço nesta quinta-feira, 7, na Linha Zemith, no Vale dos Vinhedos. O estabelecimento é a segunda agroindústria do município apta a produzir e comercializar o Vinho Colonial em feiras, cooperativas ou na própria propriedade.

 

Para alcançar esta conquista, a família precisou estar enquadrada como agricultores familiares com declaração de aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), além de estar incluída no Programa Estadual de Agricultura Familiar (PEAF), e no Programa Municipal de Agroindústrias, para que assim, pudesse utilizar em seus rótulos os selos Sabor Gaúcho e Sabor de Bento.

 

Representando a família, a filha de Vitório, Mônica Somensi deu as boas-vindas aos presentes. "É um orgulho pra gente poder participar desse momento. Queremos agradecer primeiro a Deus, a família, e a Emater e a Prefeitura por todo o incentivo e apoio. Tanto incentivo que abrimos outra agroindústria de massas. Além dos vinhos, temos essa outra opção no Selo Sabor de Bento, também bastante apoiado pela Prefeitura. Agradecemos a cada um de vocês, são todos especiais. É tudo muito simples, mas é feito com muito trabalho e com o coração".

 

O Rio Grande do Sul é o único estado possuidor de legislação para regularização do vinho colonial em virtude do PEAF. Representando o Governo do Estado, o diretor técnico da Emater e engenheiro agrônomo Alencar Rugeri, enalteceu o trabalho conjunto como fator essencial para a conquista. "É um motivo de orgulho estarmos aqui. Nosso reconhecimento pelo trabalho que a Prefeitura e a Emater fazem, contribuindo para esses resultados. Saliento a importância da parceria de todas as entidades envolvidas. O que quereremos é o desenvolvimento das ações integrando todos os elos da comunidade. Nós só conseguiremos avançar com essa união. Viemos aqui comemorar os frutos de um esforço e o coroamento do trabalho de todos. Sucesso e parabéns a família Somensi".

 

Em abril deste ano, a agroindústria foi certificada com o Selo Sabor de Bento, que tem por finalidade agregar valores aos produtos da agroindústria e estimular o consumo, viabilizando a ampliação de mercado e a competitividade, por meio da certificação de qualidade.

 

Bento Gonçalves já atingiu a marca de 35 agroindústrias inclusas no selo. "Bento tem isso por vocação e as entidades fizeram que esses frutos fossem produzidos. Não tenho palavras para definir o quanto é importante chegar a esses resultados. Podemos mencionar uma série de orgulhos que temos de Bento, de sermos o município que mais possui agroindústrias do Eestado, de termos o Selo Sabor de Bento, de termos um grupo orientativo e fiscalizador referência para outros municípios. Isso só é possível porque há muito trabalho e suor dos nossos agricultores, e um esforço do poder público em facilitar, incentivar e apoiar. Parabéns e muito sucesso", comemorou o secretário de Desenvolvimento da Agricultura, Dorval Brandelli.

 

O projeto que regulamenta a produção de vinhos artesanais no país foi aprovado pela Câmara dos Deputados ainda em 2015. Bento Gonçalves integrou o projeto piloto para busca do registro, organizado pelo Ibravin, Emater-RS/Ascar, Embrapa Uva e Vinho, Seapi/RS e Mapa, Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) e apoio da Prefeitura.

 

O vice-prefeito Aido José Bertuol destacou a importância das agroindústrias no cenário bento-gonçalvense. "Me sinto muito feliz de estar aqui hoje. Bento Gonçalves só é grande como é, por causa do nosso interior. Temos certeza que o futuro das agroindústrias é promissor, sendo uma alternativa de renda para as famílias, de permanência do jovem no interior e de atração de turistas. Na área da agricultura, nosso município está fazendo um excelente trabalho, principalmente com o Selo Sabor de Bento, que dá toda a assessoria na criação das agroindústrias. Parabéns a família Somensi", pontuou.

 

Estiveram presentes, os vereadores Volnei Cristofoli e Sidinei da Silva, o subprefeito do Vale dos Vinhedos, Marciano Batistello, secretários municipais, diretores e coordenadores, representando o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), o fiscal agropecuário José Werlang, a coordenadora regional da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural, Lucimar Rodrigues, o chefe do escritório da Emater de Bento Gonçalves, Thompsson Didoné, padre Gilmar Marchesini, presidentes e representantes de entidades, e comunidade.

 

 

Assessoria de Comunicação Social da Prefeitura

Fotos: José Martim Estefanon

BANCO DE IMAGENS